Chapada Diamantina

A Chapada Diamantina é um paraíso para os fãs do ecoturismo e do turismo de aventura. A região, de onde faz parte o Parque Nacional da Chapada Diamantina, oferece atrações e atividades capazes de manter facilmente o viajante ocupado por um mês. Será impossível se sentir entediado nesse exuberante cenário entre belas cachoeiras, poços de águas transparente, grutas com formações raras e trilhas por paisagens grandiosas.

E como se não bastasse as belezas naturais, a Chapada Diamantina ainda encanta com lindas cidades históricas, gastronomia bem elaborada e um povo muito hospitaleiro. É daqueles lugares onde temos a certeza de voltar um dia e de onde sempre sentiremos saudade.

Apaixonar-se pela Chapada Diamantina não será difícil. Basta um pôr do sol no alto do Pai Inácio para o coração bater mais forte e você cair de amores pela Chapada. Porém há muitas coisas a se fazer por lá que também são capazes de arrebatar os corações viajantes. Difícil não se emocionar com os raios de luz no Poço Azul e no Poço Encantado, com o arco-íris formado pela água da Cachoeira da Fumaça ou pelo caminho em meio ao cânion que leva à Cachoeira do Buracão. E bastará um banho nas águas vermelhas da Chapada Diamantina para recarregar as energias e entender que ali é um dos melhores lugares do Brasil para quem deseja intenso contato com a natureza. O destino é inteiramente apaixonante, mas vale destacar alguns detalhes que o tornam ainda mais especial! Veja o que fazer na Chapada Diamantina para curtir ao máximo cada momento!

Assista ao pôr do sol no alto do Pai Inácio

Depois de um longo dia de passeio, nada como pegar o entardecer no alto do Morro do Pai Inácio. Você pode subir até o topo durante todo o dia, porém é perto do pôr do sol que o Pai Inácio ganha contornos ainda mais especiais. A cada minuto, a luz se transforma e o visual do alto da Chapada Diamantina ganha ainda mais cores. Ao subir, não deixe de procurar o coração de pedra que simboliza toda a paixão que a Chapada Diamantina causa nos viajantes. Veja mais sobre o Morro do Pai Inácio.

 

Mergulhe em todas as cachoeiras e poços por onde passar

Abstraia a água gelada que insiste em tomar conta da Chapada Diamantina e se jogue em todas as porções de água possíveis durante os passeios. Mergulhar na água da Chapada é revigorante e cada cachoeira e poço será uma pequena porção de paraíso. Quanto mais difícil for para chegar, melhor será o banho. Conte até três e não tenha medo. O choque térmico logo dará lugar ao encanto de nadar por águas, muitas vezes, de cores incríveis. Ora a água terá tons avermelhados, ora será de azul intenso e muitas vezes ela será de transparência impressionante.

Visite os poços da Chapada Diamantina e assista ao espetáculo dos fachos de luz 

Além das cachoeiras, a Chapada também oferece a deliciosa experiência de mergulhar em poços de água transparente, muitas vezes com incrível tom de azul. Os mais famosos poços da Chapada Diamantina são conhecidos pelo fenômeno da luz do sol, que, ao entrar pelas frestas das grutas, atinge a água e forma um lindo facho de luz. A cena está entre as mais belas da Chapada Diamantina e também é um dos principais cartões postais da região.

 

Fique mais dias para poder aproveitar bem a Chapada Diamantina

Os turistas que visitam a Chapada Diamantina muitas vezes viajam apenas para um feriado prolongado, mas, acredite, quatro dias não serão suficientes para conhecer o básico da Chapada Diamantina. Claro que a viagem até a Chapada será maravilhosa independente de ser um roteiro curto ou longo, mas precisamos avisar que uma viagem de feriado deixará qualquer turista com muita vontade de voltar! O ideal, para conhecer as principais atrações com calma e curtir diferentes cidades, é ficar na Chapada Diamantina entre sete e dez dias.

Com mais de dez dias, já será possível investir em trilhas menos exploradas pelo grande público e também fazer mais passeios que exigem pernoite. E sempre vale voltar à Chapada para fazer os passeios que não foram possíveis na primeira visita. Veja mais sobre os roteiros e pontos turísticos da Chapada Diamantina.

Write a Comment